terça-feira, 23 de outubro de 2012

Capitulo 77 – Não!



Capitulo 77 – Não!

-Felipe, ela é sua mãe e esse será seu casamento, porque ela não estaria.
-Eu não falo mais com ela!
-Eu não falava com meu pai até pouco tempo atrás.
-Mas são casos diferentes.
-Se você não fosse tão cabeça dura, e orgulhoso. – disse a Aline séria. - Talvez, algumas coisas melhorariam.
Ela se levantou da cama agora irritada e desceu.
-Aline! – chamei. – Poxa amor, eu num quero brigar com você!
...
...
Ao descer, vi a Aline olhando o café sem piscar, e sem reação.
-Aline! – chamei
-Que foi? – falou ela um pouco agressiva.
-Eu não quero brigar com você, para!
-Eu também num quero brigar com você!
-Então? Por ...
-Eu só não gosto de como você pensa!
-Como assim?
-Toda vez que falamos da sua família ... – ela pausou.
-Oque?
-Você nunca cede. – continuou ela. – Você fala como se eles fossem a pior coisa do mundo.
-E são! – confirmei.
-Não são!!! – a Aline gritou se virando pra mim, e eu me assustei com a reação dela. – Para de falar assim!
-Aline eu conheço a minha família, eu sei oque eles são! Não vem querer falar sobre pessoas que você nunca viu! – falei irritado.
-Não menti pra mim Felipe !!! – ela gritou mais uma vez, me assustando. – Eu não casaria com você se não te conhece e te ama-se. – ela deu uma pausa e continuou. – Eu sei quando você mente pra mim, então para!
-Aline! Para você! Eu já falei eles todos são ...
-Para de falar isso Felipe!!! Não mente pra mim!!! – eu estava assustado com a reação dela, e preocupado ao mesmo tempo. – Você nunca me fala deles e nunca me deixa querer saber! Porque? Porque? Oque você tanto esconde de mim? – disse ela se aproximando.
-Eu não escondo nada ...
-Esconde!!!
-É claro que não...
-Então eu vou conhecer sua mãe, pra saber ...
-Não!!! – agora o gritos eram meus.  – Não, você não vai!!! – ela se assustou comigo. – E se você tentar ir sozinha ...
-Porque? Porque eu não posso, conhecer a mãe da pessoa que eu mais amo?
-Porque eu não quero!!! E não vou deixar!!!
-Eu vou com ou sem você! – ameaçou ela.
-Não vai!!! – gritei mais uma vez. – Não se atreva ir atrás daquela... Daquela... Puta!
-Felipe!!!
-Eu já falei!!!
-Porque?
-É perigoso!!! – cedi e me sentei na mesa. – Poxa, eu num quero que você corra risco! Eu me preocupo com você!
-Então vá comigo! – disse ela acariciando minha cabeça. – Por que se eu for sozinha, se algo der errado, o resultado pode ser pior!
-Para!!! Não quero pensar nisso...
Ela se afastou de mim e voltou a fazer o café.
Tomamos o café sem se olhar, mas o clima entre nos dois era incrivelmente leve, afinal de contas ainda estávamos brigados?
Depois de tomar o café limpamos tudo juntos, como de costume, mas sem olhares nem conversa, então logo eu subi para escrever.
Ao descer vi a Aline deitada na cama do quarto vendo desenho, então desci e fui para a sala, e coloquei em um canal de filmes qualquer, onde passava um romance qualquer.
Logo a Aline desceu e ela sentou no sofá sem ligar para mim, logo o Luke se juntou a nos dois e subiu no sofá entre nós.
E ficamos vendo o filme.
...
...
Capitulo 77 – Lembranças
Era estranho, naquela época...
...

Nenhum comentário :