segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Capitulo 67 – Ligações




Capitulo 67 – Ligações


Desliguei o celular e desabei na cama cansado e exausto, mas decidi me animar então fui tomar um banho. E depois pedi um café da manha pelo serviço de quarto e esperei vendo desenho na tv.
Não demorou muito e chegou meu café da manha, um cappuccino e um waffle com chocolate.
Esperei dar o horário, e pedi um taxi, e fui para a entrevista.
Eram sempre as mesmas coisas, nunca saia daquilo, mas fazia parte do meu trabalho.
...
...
Após a entrevista entediante, marcamos outra, mas essa seria algo menos maçante, depois da redação, foi para um café mais próximo e pedia alguma bebida quente, ainda esteja sonolento.
Isso que dá sair e voltar de madrugada, e depois ter uma entrevista.
Não demorou muito e um garoto me trouxe o meu shimmerl – que é uma bebida própria do local, onde é um cappuccino, chantili, chocolate e uma bola de sorvete – O garoto sorriu ao me entregar:
-Deseja mais alguma coisa?
-Não, obrigado!
-Nada, qualquer coisa é só me chamar!
-Uhum
Ele se retirou, mas percebi que de longe continuava a me observar, mas não liguei para o garoto, e então mergulhei de cabeça nos pensamentos, e então lembrei da Aline, do Arthur, do Luke e de como séria essa manha com eles.
Provavelmente estaríamos deitados abraçados, vendo desenho, ou simplesmente se olhando, eu estaria com a minha mão a afaga-la e ela ficaria mexendo no meu cabelo, me deixando mais sonolento.
E logo entraria o Luke latindo e fazendo a alegria da casa, até o Arthur se manifestar com chutes, logo eu colocaria a mão na barriga da Aline para sentir e sorriria para ele e depois um longo selinho com o Luke  comemorando.
E estaríamos os quatro na cama reunidos, rindo sem causa, só por estar feliz sem motivo.
Mas então abro os olhos, e vejo a cafeteria e o shimmerl à minha frente, apesar de ficar pouco tempo longe da Aline, mesmo assim a falta que ela fazia pra mim, era imensa e se hoje fosse para viver sem ela, com certeza eu não viveria.
Tomei meu shimmerl ainda imerso em pensamentos, e depois chamei o garoto que me olhava:
-Por favor me faz um cappuccino, e me traz cookies de baunilha!
-Só isso?
-Sim! - O garoto foi saindo, mas eu o chamei de volta – Pra viajem, por favor!
-Pode deixar.
Ele saiu todo sorridente e eu continuei a pensar; não demorou muito e o garoto trouxe o meu pedido:
-Aqui está; deseja algo mais?
-Sim, a conta.
-Aah sim, só um minuto!
-Cartão?
-Não!
-Só um minuto então!
-Sim.
Logo ele voltou, e então o paguei, sai da cafeteria Blum’s, tomando meu cappuccino e comendo meus cookies, foi a pé até o hotel, mas antes de chegar lá me deparei com uma praça, onde parei para relaxar um pouco.
Cheguei no hotel, liguei a teve e o notebook, entrei nas redes sociais e a Aline não estava online, então fiquei só respondendo as fãs, e mandei um e-mail para ela.
Estava chateado de ficar sem ela e então tentei ligar para ela mas sempre caia na caixa postal ou não completava a ligação. O único celular que funcionava era oque ganhei da revista, com um numero local, assim eles podiam marcar as coisas comigo.
Fui para o twitter e deixei um simples recado para a Aline:
“É tão ruim ficar longe de vocês.”
Depois disso fiquei escrevendo meu livro, e o tema da vez era saudade, e quando já estava acabando, o celular começa a tocar:
-Alô! – falei ao anteder.
-Aqui é a secretária do Helin. Com quem eu falo?
-Aqui é o Felipe Shillans
-Ah sim Felipe, o Helin queria marcar um ensaio fotográfico com você.
-Sim.
-Pode ser amanha?
-Claro.
-Tudo bem, então em breve, vamos enviar um e-mail mais detalhado.
-Tudo bem, obrigado.
-Obrigada ao senhor, tenha uma boa tarde.
-Igualmente.
Desliguei o celular e logo desliguei o notebook, e então joguei Xbox até começar anoitecer, tomei um banho e me arrumei,  e sai para mais uma noite de diversão.
...
...
Capitulo 68 – Te quero
É difícil te querer tanto e não poder de ter.
...
Continua...

Um comentário :

Evellen disse...

Amo essa web-novela. Fiquei curiosa pra ler a web-série Bad Girl, só de ler a sinopse :)

Beijoos ;*
garotanadanormal.blogspot.com.br