quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Capitulo 12 – Ela me enlouquece!




Capitulo 12 Ela me enlouquece!

-Vou levá-la para minha casa e eu cuido dela e assim que eu puder ligo para os pais dela avisando!
-Tudo bem! Vai lá Felipe, beijo e obrigado por ter vindo!
-Que isso Carol, beijo!
Ajudei a Aline levantar e a levei para o carro ...
...

Chegando em casa eu abri a porta da sala e a ajudei a subir as escadas, deitei ela na minha cama:
-Você quer alguma coisa ?
- Não obrigada! – disse ela aos sussurros.
-O que você está sentindo ? – perguntei.
Mas já era tarde, ela tinha caído no sono, tirei o sapato dela e a cobri com o meu cobertor, acariciei seu rosto e dei um beijo na sua testa desejando bons sonhos.
Abri um pouco da janela para ela poder respirar melhor, e tirei minha camiseta  e troquei minha calça e sentei no pufe no canto do quarto. Fiquei olhando para ela ,e vendo o quanto ela era irresistível dormindo. Aos poucos os pingos da chuva que caia do lado de fora foram me relaxando me fazendo dormir.
-Felipe!!! – ela me acordou com um grito.
-Bom dia! Você está melhor?
-Não!
-Quer alguma coisa?
-Você! ... - ela parou para pensar- Bom quer dizer, você dormiu no pufe deve estar todo dolorido... – disse ela tentando se explicar -  ... quer deitar aqui comigo ?
-Claro!
Me levantei e fui caminhando para a cama:
-Antes! Coloca uma camiseta! – ordenou ela.
-Sim senhora! – respondi pegando uma camiseta no guarda-roupa.
-Até que você é bunitinho sem camisa! – comentou enquanto eu deitava na cama.
-Você é maravilhosa de qualquer jeito! – respondi piscando para ela.
-Ta, vou fingir que acredito! – retrucou ela.
Ficamos parados olhando um para o outro até ela interromper o silêncio:
-Pode parar de pensar, não vai acontecer!
- Que ? – perguntei confuso
-Eu sei no que está pensando e não vai acontecer!
-Como pode saber o que eu penso?
-Pelos seus olhos, vejo um certo desejo neles!
-Bom, então você errou!
-Impossível!
-Eu estava analisando seu rosto!
-Felipe me engana que eu gosto! Até parece que um garoto não vai ter desejos por uma garota que está deitada na sua cama! –disse ela aumentando o tom de voz.
-Eu tenho desejo por você...
-Sabia! – disse ela me interrompendo.
-Eu desejo te ter ao meu lado, não de transar com você por uma noite e te largar como qualquer outro idiota faz! – ela parou de sorrir vitoriosamente e deu um sorriso fofo no canto dos lábios. – Por que toda garota pensa que só existem meninos e não garotos? – continuei enquanto sentava na cama.
-Felipe me desculpa! – disse ela sentando ao meu lado – Não sabia que você era tão diferente! Desculpa!
Peguei no rosto dela e a olhei nos olhos:
-Aline por que é tão difícil de você entender que eu te amo que eu estou louco por você?
Ela tirou minha mão do seu rosto e a colocou na sua cintura, me jogou na cama e ficou sobre mim:


-Só estava esperando a prova de que me ama! Essa foi o suficiente para mim entender! – ela fez um sorriso contagiante aparecer em meu rosto.
Eu virei nossos corpos, fazendo eu ficar sobre ela:
-Era tudo o que queria ouvir ! –afirmei.
Ela colocou a sua mão na minha nuca e me puxou e me deu um beijo no canto da boca para depois sussurrar no meu ouvido:

-Mas antes vai ter que me conquistar! – depois me deu uma mordida na orelha
-Garota você me enlouquece!
Comecei a acariciar a nuca dela e a morder e beijar seu pescoço fazendo ela rir!
-Vou fazer uma coisa pra você! – disse me levantando da cama.
-O que? – perguntou ela se levantando.
-Surpresa, - deu um beijo na sua bochecha – Fica aqui e não tente fugir!
-Ta vou tentar controlar a tentação de pular a janela! – rimos.
-Já volto! – disse saindo do quarto.
Desci e fui até a cozinha, fiz um suco de pêssego, peguei umas torradas, alguns pães e aproveitei e peguei alguns remédios de dor de cabeça, tontura e enjôo. Coloquei tudo em uma mesinha de cama e  subi.
Quando cheguei no quarto a janela já estava aberta, e notei que ela havia pegado umas roupas minhas e colocado.
-Que bom você não fugiu! – brinquei com ela enquanto entrava no quarto.
-Eu peguei umas roupas suas, as minhas estavam muito suadas. Tudo bem?
-Tudo bem! – respondi colocando a mesinha na cama bem a frente dela – Fiz um café da manha para você!
-Obrigada!
-Peguei alguns remédios, como não sei o que está sentindo peguei todos eles!
-Só estou um pouco tonta e com dor de cabeça! – ela pegou uma torrada e começou a comer !
Ficamos conversando enquanto tomávamos o café da manha, que já era café da tarde:
-Nossa suas roupas tem um cheiro tão gostoso! – comentou ela.
-Deve ser o efeito do meu perfume!
Ela se aproximou de mim para cheirar o meu pescoço :
-É o efeito dele mesmo! – afirmou ela.
Dei um beijo na sua testa e levantei:
-Vou tomar banho!
-Tudo bem!
-Fica à vontade! - disse para ela.
-Não demora!
- Tudo bem! Qualquer coisa me chama!
-Tudo bem!
Peguei uma roupa e fui para o banheiro, tomei um banho rápido e sai do banheiro.
-Hey, existe uma garota no quarto! – reclamou ela – Coloca uma camiseta! Eu já sei que seu corpo é perfeito, não precisa ficar mostrando!
-Sim senhora! - coloquei a camiseta que estava na minha mão e sentei do lado dela- O que está vendo?
- Essas musicas são suas? – perguntou ela se referindo aos papeis que segurava.
-Sim! – afirmei.
Ela pegou o violão e começou a tocar uma das musicas:
-Você toca? – perguntei.
-Nas horas vagas!
Ela continuou a tocar e eu entrei no meio cantando, o que fez ela parar:
-Nossa sua voz é tão linda!
-Prefiro ouvir o doce sabor da sua voz, no meu ouvido! – falei deitando ela na cama.
Comecei a acariciar o corpo dela:
-Felipe para! Você está indo muito rápido!
-Desculpa! - deitei ao lado dela.
Ela me deu um selinho:
-Isso está bom para você?
-Por enquanto sim! –respondi.
Ficamos deitados um olhando o outro até nós dois pegar no sono...
...

Capitulo 13 – Primeiro beijo!
-Eu ainda estou brava com você!
-Eu sei!
-Então?
-Eu tenho uma surpresa para você! ...
Continua... 

3 comentários :

Anônimo disse...

amei o capitulo 12,estou louca para ler o 13,te amo seu lindo!!!

Caio Bigliazzi disse...

O capitulo 13 vai ser só semana que vem =(

Obg pelo lindo!
e Obg por ler o blog!

BJUS

Cadu C. disse...

Legal!! Essa surpresa...